Tratamento da psoríase com fosfolípideos de caviar (f.c. oral)

A Psoríase é uma doença de pele comum, não contagiosa, que se caracteriza por lesões avermelhadas e descamativas. É considerada uma doença cíclica pois seus sintomas aparecem e reaparecem constantemente. Sua causa pode estar relacionada ao sistema imunológico, aos fatores ambientais e também a suceptibilidade genética.

Embora sua causa não esteja completamente esclarecida, acredita-se que a psoríase se desenvolve quando as nossas células de defesa do organismo começam a atacar as células da nossa pele. Esse mecanismo faz com que nosso organismo responda através do sistema imunológico que incluem dilatação dos vasos sanguíneos da pele, produção de células de defesa para combater essa infecção, além de alta produção das prórpias células da pele que já foram atacadas, e então se inicia o ciclo da psoríase que é evidenciado por formação de grande escamas devido à imaturidade das células da pele.

Esse ciclo faz com que ambas as células mortas não consigam ser eliminadas eficientemente, então forma-se placas espessas, manchas escamosa e coceiras.

Há vários tipos de psoríase, que podem ser identificadas e até diagnosticada por seus sintomas característicos. Entre elas estão a psoríase vulgar, psoríase ungueal, psoríase do couro cabeludo que são as mais comuns.

Os sintomas da psoríase podem variar de acordo com a sua classificação, que de um modo geral incluem:

  • Manchas vermelhas com escamas secas esbranquiçadas ou prateadas;
  • Pequenas manchas escalonadas;
  • Pele ressecada e rachada, às vezes, com sangramento;
  • Coceira, queimação e dor;
  • Unhas grossas, sulcadas ou com caroços;
  • Inchaço e rigidez nas articulações.

Outros fatores podem aumentar as chances de piorar o quadro clínico são: estresse, obesidade, tempo frio, o consumo de bebidas alcoólicas, tabagismo e histórico familiar.

O tratamento para a psoríase persiste no objetivo de reduzir a inflamação e formação das placas, fazendo com que as células da pele parem de crescer tão rapidamente e, regular e normalizar a aparência da pele, esses dois são essenciais para manter uma qualidade de vida satisfatória, além de melhorar a auto-estima o paciente. Outros fatores que impulsionam a melhora e até o desaparecimento dos sintomas baseiam-se em uma alimentação balanceada e prática de atividade física.

Os Fosfolipídeos de Caviar (F.C. Oral) é um produto natural composto de fosfolipídeos de origem marinha (principalmente fosfatidilcolina) e de lipídeos extraídos das ovas de arenque, que é considerado um importante complemento no tratamento da psoríase por ser um modulador inflamatório, além disso, é rico em ácidos graxos poli-insaturados, ômega 3, vitamina E e astaxantina,  sendo um excelente carreador biológico, devido ao alto conteúdo dessas substâncias nas membranas celulares, sendo assim, o mecanismo de ação dos Fosfolipídeos de Caviar ocorre de imediato e de forma potente, pois eles irão até o plasma e os tecidos alvos, nesse caso, a pele.

Os conteúdos contidos no F.C. Oral, são importantíssimos para o funcionamento do nosso organismo. O sistema cardiovascular, o SNC (Sistema Nervoso Central), a retina e a pele são alguns exemplos importantes.

Outros Benefícios:

  • Ingrediente ecologicamente correto;
  • Única fonte e alta composição de Ácidos Graxos Polin-insaturados e Ômega-3 com proporção ideal DHA/EPA (substâncias importantes na modulação inflamatória);
  • Maior absorção e biodisponibilidade;
  • Presença de Astaxantina, um carotenóide com potente ação antioxidante;
  • Presença de Vitamina E, um antioxidante lipossolúvel com ampla ação antioxidante;
  • Isento de mercúrio, um agente tóxico para o organismo;
  • Sabor neutro;
  • Previne envelhecimento progressivo e precoce do SNC;
  • Apresenta efeito neuroprotetor;
  • Aumenta a desempenho cognitivo;
  • Pode melhorar o desempenho do aprendizado;
  • Decresce o risco de demência e Mal de Alzheimer;
  • Pode aumentar o desempenho intelectual em crianças nascidas de gestantes suplementadas.
  • Reduz o processo inflamatório de baixo grau em peles envelhecidas e expostas à radiação ultravioleta;
  • Melhora hidratação cutânea, reduzindo a TEWL;
  • Promove equilíbrio na pele;
  • Apresenta efeito imuno modulatório;
  • Pode melhorar condições cutâneas como dermatite atópica, acne, psoríase e outras desordens inflamatórias e autoimunes da pele.
  • Melhora a acuidade visual;
  • Previne a ocorrência de doenças oculares degenerativas relacionadas à idade.
  • Reduz mediadores inflamatórios nas doenças osteoarticulares;
  • Pode ser útil no tratamento coadjuvante de doenças inflamatórias e autoimunes osteo-articulares, como artrite reumatóide e osteoartrite.
  • Reduz os níveis de triglicérides; colesterol total e LDL-colesterol;
  • Aumenta os níveis de HDL-colesterol (colesterol bom);
  • Reduz processo inflamatório e a formação de trombos;
  • Reduz a viscosidade sanguínea, melhorando o fluxo sanguíneo;
  • Pode prevenir doenças cardiovasculares;
  • Doenças inflamatórias intestinais;
  • Ansiedade, depressão e doenças associadas;
  • Dismenorréia e síndrome disfórica pré-menstrual;

O objetivo dos Fosfolipídeos de Caviar (F.C. Oral) no tratamento da psoríase, é aumentar a absorção dos ácidos graxos na pele, modulando a inflamação e melhorando o sistema imunológico, consequentemente amenizando o quadro de manifestações inflamatórias exacerbadas, reduzindo o eritema e infiltração causada pela psoríase desencadeada, reduzindo também os sintomas reportados pelos pacientes, como a coceira principalmente e contando ainda com a sua potente atividade antioxidante.

Para maiores informações consulte um de nossos farmacêuticos ou outro profissional da área da saúde.

Deixe uma resposta