MOROSIL – Combate ao colesterol e redução do triglicérides

O colesterol e o triglicérides em níveis normais são substâncias essenciais para o bom funcionamento do nosso organismo. Tanto que ambas são produzidas naturalmente pelo nosso fígado.  Essas duas substâncias em altas concentrações podem trazer complicações à saúde.

Os adipócitos com baixo conteúdo de lipídeo secretam hormônios insulina-sensível como a adiponectina; já os adipócitos com alto nível de lipídeo induzidas por uma dieta rica em gorduras, causam diminuição da produção de hormônios insulinos-sensíveis, resultando na resistência a insulina.  Desta forma, as concentrações séricas da adiponectina, são menores em indivíduos obesos, contribuindo para o aumento da gordura corpórea, além de aumentar os riscos cardiovasculares, como pressão arterial, aumento do colesterol, LDL colesterol, triglicérides e ácido úrico.

O colesterol é uma substância gordurosa importante para a formação das membranas das nossas células, síntese de hormônios, para a produção da bile, na digestão de alimentos gordurosos e para metabolização de algumas vitaminas, como a vitamina A, D, E e K. Por se tratar de uma substância gordurosa, o colesterol não se dissolve no sangue, portanto é necessário um transportador para que ele chegue até a corrente sanguínea para alcançar os tecidos periféricos. Os transportadores são: VLDL, LDL, HDL.

Suas funções como transportadores se diferem pelos seus mecanismos de ação. Sendo eles:

LDL- transporta colesterol e um pouco de triglicerídeos do sangue para os tecidos.

VLDL- transportam triglicerídeos e um pouco de colesterol.

HDL- tira colesterol dos tecidos e devolve para o fígado que irá excretá-lo nos intestinos.

Tanto o LDL quanto o VLDL levam o colesterol para as células e facilitam a deposição de gorduras nos vasos. Já o HDL faz o inverso, ele promove a retirada do excesso de colesterol, inclusive das placas arteriais. Por isso HDL é conhecido como “bom colesterol”.

O triglicerídeo ou triglicéride é um composto formado por uma molécula de glicerol e três moléculas de ácidos graxos.  O triglicéride é uma gordura que fica armazenada no tecido adiposo, importante no estoque de energia; se essa energia não for gasta ela se acumula e então forma a tal indesejada gordura localizada. A célula adipocitária ao armazenar energia, pode acumular triacilglicerol durante o excesso de alimentos ricos em carboidratos. Os erros alimentares são determinantes na elevação dos triglicérides e o acúmulo do triglicerídeos não só formam placas que entopem artérias como provocam as desagradáveis gorduras localizadas, como os famosos pneuzinhos, culotes e afins.

Os triglicérides estão intimamente ligados ao VLDL, essa associação contribui para uma maior incidência de acúmulo de gordura no fígado. Esse acúmulo pode gerar graves doenças.

Morosil é um extrato seco, nativo da região da Sicília, Itália. É obtido a partir do suco de laranjas vermelhas cultivadas no Mediterrâneo. Região onde se encontra uma grande quantidade de pigmentos de antocianina, uma potente substância antioxidante que não é encontrada em outras frutas cítricas. Esse diferencial regula a disfunção dos adipócitos, reduzindo o tamanho deles pela diminuição dos lipídeos e aumento da sensibilidade à insulina, dessa forma ocorre modulação de genes envolvidos no metabolismo de lipídeos e controle da proteína transportadora de ácidos graxos que age na captação de lipídeos pelos adipócitos. Através da adiponectina, os níveis de colesterol e triglicérides no músculo e fígado diminuem, reduzindo conseqüentemente a resistência à insulina.

Morosil possui alta atividade antioxidante, devido as suas propriedades químicas; alta concentração de vitamina C, flavonóides e ácidos hidroxicinâmicos.

Além de ser efetivo na redução da gordura abdominal e no gerenciamento de peso, Morosil conta com benefícios em doenças com riscos cardiovasculares. São eles:

– Redução dos Triglicerídeos

– Reduz o colesterol total, por diminuição da enzima HMG-CoA redutase

– auxilia na modificação do metabolismo dos adipócitos.

– estimula a síntese de adiponectina.

– Reduz medidas

– Ação antioxidante

Portanto, o controle desses vilãos depende de uma dieta balanceada, investindo em frutas, legumes, verduras, pois a presença de fibras contidas nesses alimentos reduz a absorção de todos os tipos de gorduras e auxilia na reeducação alimentar.

Estudos realizados com Morosil, concluem que além dos benefícios já mencionados, Morosil contribui para redução acentuada dos tamanhos dos adipócitos, devido a diminuição da capacidade de acumular gordura, portanto a ação na diminuição dos níveis de gordura e triglicérides além da redução do acúmulo de gordura induzidas pela alimentação hipercalórica é efetiva.

Para mais informações, consulte um de nossos farmacêuticos ou outro profissional da saúde.

Deixe uma resposta