DM II CONTRA A DIABESIDADE (Obesidade associada à Diabetes)

Deixe a Diabetes bem longe de você!
Vamos lutar contra a Diabesidade!
A palavra do momento é prevenção.
As medidas essenciais tanto para a prevenção como para o tratamento da “diabesidade” são a perda de peso e o exercício físico regular.
Podemos associar a isso o uso de alguns nutracêuticos, entre eles DM II um complexo com cromo exclusivo e patenteado.
O cromo é um elemento essencial sendo considerado um dos principais minerais necessários ao equilíbrio do nosso organismo.
DM II, pela influência do cromo, é capaz de auxiliar na redução dos níveis de glicose sanguínea. Modula os níveis de liberação de insulina e desta forma controla a resistência a mesma.
• Prevenção de diabetes tipo II
• Prevenção e coadjuvante no tratamento de síndromes metabólicas como obesidade
• Auxiliar na diminuição dos níveis de glicose no sangue
• Manutenção da saúde cardiovascular

Nas últimas décadas a prevalência da obesidade vem aumentando consideravelmente, constituindo um dos maiores problemas atuais de saúde pública, especialmente nos grandes centros urbanos. A obesidade é o maior fator de risco para o desenvolvimento de diabetes do tipo II, além de estar associada a doenças cardiovasculares como hipertensão arterial e colesterol.
Um dos principais fatores relacionados com obesidade como risco para a mortalidade cardiovascular é o fato de ela propiciar o aumento de casos novos de diabetes. Por esses motivos, a atual epidemia, muitas vezes denominada como “diabesidade”, precisa ser mais bem entendida para se obter um melhor controle.
As pessoas, cuja gordura se acumula em volta da cintura, têm um maior risco de se tornarem resistentes à insulina. Não é coincidência que os casos de diabetes tipo II têm vindo a aumentar, acompanhando a tendência global de aumento da obesidade.
DM II é uma excelente escolha para prevenir a Diabesidade.
Para maiores informações entre em contato com um de nossos farmacêuticos ou outro profissional da saúde.

Referências:
1.http://www.eufic.org/
2. Gomes M, Rogero M, Tiragegui M. Considerações sobre cromo, indulina e exercício físico. In: Revista Brasileira de Medicina do Esporte 2005; 11(5): 262-266
3. RUIZ, K. Nutracêuticos na Prática – Terapias baseadas em evidências. INNEDITA: Jundiaí-SP, 2012

Deixe uma resposta